a

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit. Aenean commodo ligula eget dolor. Aenean massa cum sociis Theme natoque.

Latest Posts

1-677-124-44227
184 Main Collins Street West Victoria 807
info@yoursite.com
iStock 42780194 SMALL

5 lugares remotos pelo mundo que você deve visitar

O meio do nada pode ser um dos destinos mais emocionante da sua vida, tenha certeza de que vale a pena o esforço para chegar lá. Confira agora alguns dos destinos mais remotos do planeta e que você precisa incluir no seu roteiro.

 

  1. Ilhas Cook, Nova Zelândia

Espalhadas na metade do caminho entre Fiji e o Tahiti ficam as Ilhas Cook, uma formação de corais cuja principal cidade é Rarotonga. Para explorar o lugar, faça um teste rápido de direção e alugue uma scooter se lançando nas estradas costeiras da ilha.

Ilhas  Cook

Ilhas Cook

Outra opção é seguir a trilha que corta a ilha, passando por trechos no interior da floresta e, em seguida, acompanhar em primeira mão a migração anual das baleias jubarte (de julho a outubro) – uma visão verdadeiramente notável.

Se você tiver tempo, dê um pulo em Aitu para ver o incrível litoral makatea (coral elevado). Não deixe de visitar a sepultura de Rimarau, onde cerca de 600 esqueletos estão situados, ou o Anatakitaki à luz de velas, local habitado pelas aves Kopeka, uma espécie endêmica da ilha, que vive em cavernas e voa inteiramente por localização de radar como os morcegos.

  1. Salto Angel, Venezuela

Nas profundezas da floresta do Parque Nacional Canaima na Venezuela, onde vive o povo Pemon, encontra-se a cachoeira mais alta na Terra. Mas chegar até Salto Angel não é fácil.

A viagem de canoa motorizada em mata fechada (pode ser que você tenha que descer e ajudar a empurrá-la)acaba sendo uma preparação para o que vem a seguir: a chegada ao rio Churun ​que ​abre caminho para o rugido bestial das quedas.

Catarata Angel-Venezuela

Catarata Angel-Venezuela

Cooperativas locais oferecem passeios e hospedagem dentro do parque, tente combinar com uma visita aos Saltos Sapo e Sapito, onde um túnel leva você para trás da queda d´água por alguns instantes.

Outra alternativa é fazer uma caminhada guiada até o Monte Roraima que leva você até o Pakaraima, o ponto mais alto na cadeia dos tepuis, onde a vista éde parar o coração.

 


Vamos planejar a sua próxima viagem? Entre em contato ↠


  1. Ilha de Santa Helena, território britânico

A Ilha de Sta Helena, juntamente com Ascensão e Tristão da Cunha, fica a 1950 km da costa sudoeste da África e faz parte do território britânico.

Pouco visitada, pois até o momento a única forma de chegar é pelo navio RMS St Helena que parte da Cidade do Cabo, essa pequena ilha não tem nenhuma praia, sendo o seu litoral completamente rochoso. Napoleão Bonaparte faleceu exilado na ilha depois de sua derrota em Waterloo.

Ilha de Santa Helena,

Ilha de Santa Helena,

Ao chegar lá, faça uma visita a Longwood House e Briars Pavilion, as casas onde residiu o primeiro imperador da França e que continuam cheias de relíquias da sua permanência. Seu túmulo (ele morreu seis anos depois de chegar, em 1821) ainda está na exuberante Sane Vale, embora seu corpo tenha sido removido para a França há muito tempo.

  1. Ilhas Shetland, Escócia

Conheça o arquipélago Shetland, com mais de 100 ilhas no norte do Reino Unido, sendo que apenas 15 são habitadas. A melhor época para vistar a região é em janeiro quando todas as cidades se preparam para o Up Helly Aa, um festival de fogo no estilo Viking que marca o fim do Yule, uma celebração pagã semelhante ao Natal.

Visite Unst, a ilha habitada localizada na área setentrional do arquipélago, e que tem sobre os montes marcados pelo vento as ruínas do Muness Castle.

Ilhas Shetland

Ilhas Shetland

Acima dele,bandos de aves marinhas das colônias da reserva Hermaness voam em círculo, no outono filhotes de focas cinzentas habitam as cavernas por baixo do castelo e 25.000 papagaios se empoleiram ao seu redor.

  1. Ilha de Wrangel, Rússia

Quem deseja visitar a ilha de Wrangel, considerada Patrimônio pela UNESCO, deve aproveitar a única janela de tempo permitida tal é a dificuldade em chegar lá. Mas poucos fazem essa viagem nos dias de hoje.

Ilha de Wrangel

Ilha de Wrangel

Na década de 1970, os últimos representantes do povo local, os Chukchi, e hoje a ilha é uma das reservas naturais mais isoladas do mundo, com apenas uma pequena presença militar e de pesquisa. Somente no final do verão é que o gelo do mar de Chukchi fica acessível o suficiente para permitir a viagem. Então, a visão das 80.000 morsas do Pacífico que residem por lá acaba sendo um grande espetáculo.

Agora faça sua própria lista de lugares a conhecer e compartilhe conosco!

You don't have permission to register